quinta-feira, 4 de março de 2010

'n I miss you love

"Make room for the prey
'Cause I'm coming in
With what I wanna say but
It's gonna hurt
And I love the pain"
Miss you love - Silverchair


Hoje não reclamo do amor e sim da ausencia dele. Ah, não se enganem não é dele alguem e sim dele coisa.
Sofro o não sofrer.
Esse silencio no pensar me enloquece como se milhares de vozes gritassem ao mesmo tempo. Não há a emoção do esperar uma ligação, não tem borboletas no estomago quando escuto a especifica voz do outro lado, não há nada. É como se eu vivesse em um dia frio e cinza.
É essa eterna constância que incomoda e que torna o momento mais perigoso. Doi tanto não doer que me jogo de cabeça na relação mais descabida e instável só para encontrar uma dor maior ainda e, de uma forma masoquista, me sentir viva.

3 comentários:

Ruh Ribeiro disse...

Pq será q a gente procura a angústia e não consegue ser feliz na paz?

Helô Passarelli disse...

Às vezes Deh, não sei se é melhor (ou pior) sofrer sozinha, do que sofrer por alguém...parece que nunca tá bom...vejo pessoas que estão acompanhadas e que queriam estar sozinhas e vice-versa (onde me incluo tbm ushushehes).
Enfim, nada tá bom.
[Mas antes só do que mal acompanhado, disso eu tenho certeza! rsrs]

Cibele Gomes disse...

Falou tudo nesse texto...